Arquivo

Archive for the ‘Uncategorized’ Category

Instalando o Slax 6 no PenDrive

20 de fevereiro de 2008 10 comentários

A idéia de uma distribuição LiveCD minimalista, contendo apenas os componentes básicos de um Linux, mantendo a compatibilidade total com o Slackware e com uma interface visual super caprichada deu muito certo. O LiveCD do Slax não chega a 200MB, e na versão 6, já existe versão exclusiva para pendrives.

slax2
(Slax, Slax, Slax. Adoro esse nome!)

Não sei se em versões anteriores já existia isso, mas nos tutoriais que li (inclusive do Hudson, do PQui Linux), a instalação do Slax no PenDrive era executada com o (mini-)CD de instalação, diretamente editando o isolinux e o transformando em um syslinux. Porém, na versão 6 do Slax, a instalação em PenDrive foi simplificada, e funciona perfeitamente. São necessários apenas 3 passos:

PS: Backupeie seu PenDrive, Murphy adora PenDrives.

1) Baixe o Slax “LivePenDrive” nesse link.
2) Monte e descompacte o arquivo no seu PenDrive.

# dmesg | grep sd 
(anote o dispositivo)
# mount /dev/sdc1 /mnt/pendrive
# mv ~/slax-6.0.0.tar  /mnt/pendrive
# tar -xvf slax-6.0.0.tar
(criará dois diretórios: boot e slax)

3) Acesse o diretório boot e rode o script bootinst.sh
# cd boot/
# ./bootinst.sh

O script confirmará o dispositivo, aperte ENTER (ou Ctrl + C caso não seja o que dispositivo que você queira) e aguarde. Ele criará a MBR apontando pro diretório boot do PenDrive, e ao final, confirmará avisando que deu tudo certo. Basta desmontar, e você já pode rebootar sua máquina para testar o funcionamento do seu novo Slax Live PenDrive.  🙂

A velocidade de carregamento é superior a de um LiveCD, e eu que nunca tinha usado Linux dessa maneira fiquei surpreendido. Dentro do diretório slax, existe o arquivo cheatcodes.txt, que explica a utilização de vários parâmetros para serem usados durante o boot e resolverem problemas eventuais, não mudou muito desde o meu último Slax Server. Os requerimentos do Slax também são super modestos, e o único impecilho é que, boot via USB só é possível em máquinas mais recentes.

Mesmo assim vale a pena, pois é mais prático carregar um PenDrive do que um LiveCD. Você continuará podendo adicionar arquivos no PenDrive, porém com (quase) 200MB a menos.

Stay safe,
Lucas Timm.

Anúncios
Categorias:Uncategorized

É hoje!

19 de julho de 2007 2 comentários

Estou ficando mais velho… 😀

 Obrigado à todos vocês que estão sempre passando por aqui! \o/

Categorias:Uncategorized